mobile learning : plataforma alternativa de capacitação


Postado em por Veridiana Serpa

Uma pesquisa da associação de marketing móvel MMA, feita pela Millward Brown Brasil e NetQuest, divulgada em setembro de 2016, aponta que o brasileiro passa em média 3h14 por dia usando o aparelho celular, de acordo com dados fornecidos pelas operadoras de telefonia móvel, em maio de 2015, haviam 12,5 milhões de brasileiros que estudaram pelo celular. Em março de 2017 o IBGE divulgou uma pesquisa apontando que mais de 40 milhões de brasileiros gostariam de fazer cursos de qualificação profissional, mas apenas 3,4 milhões frequentavam esse tipo de curso em 2014.

Uma alternativa de capacitação para quem, por exemplo, não tem como frequentar uma instituição de ensino, seja por falta de tempo, condições financeiras etc, acaba sendo o mobile learning  e a mLearn, startup focada em ensino móvel, possibilita a instituições educacionais e empresas oferecerem os mais diversos programas educacionais via smartphones, usando gamification e ferramentas de aprendizagem social. Cinco milhões de pessoas já foram treinadas em cursos profissionalizantes mobile pelas principais operadoras do país com a plataforma.

A plataforma é voltada para usuários de smartphones que pretendem complementar e/ou reforçar seus estudos nas horas vagas, em deslocamento (indo e voltando de algum local), em casa, ou no trabalho, e também para funcionários de empresas que precisam de qualificação específica, como treinamento de força de vendas.

A mLearn é uma das 300 startups selecionadas na 1ª etapa do programa InovAtiva 2017, realizado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), e o Sebrae e para fazer os cursos os alunos não precisam sequer ter um cartão de crédito pois a empresa trabalha por meio de tarifação pelas contas das operadoras de telefonia móvel (Oi, Vivo, Claro e TIM) e a mLearn busca aumentar o volume de cursos mobile, e fazer parcerias com instituições de ensino para capacitação e treinamentos.

A ferramenta possui diversas funcionalidades: cursos, provas, certificados, exercícios, socialização, notícias, entre outras. Um dos diferenciais é que a plataforma é integrada com as redes sociais e o aprendiz participa de um jogo onde tudo o que ele faz é avaliado e pontuado, e a medida que ele estuda ganha pontos, medalhas e vai mudando de nível.

Facebook Comments
Siga-nos & Curta 🙂

Deixe uma resposta