Game Changers – websérie documental sobre a indústria de games no Brasil

Postado em por Veridiana Serpa ?>

A websérie documental “Game Changers” mostra o mundo dos games no Brasil, um mercado que deve movimentar US$ 99,6 bilhões globalmente em 2016, segundo pesquisa Global Games Market Report, divulgada pela Newzoo. Apresentada por Vivo Fibra, “Game Changers” é a primeira campanha digital da Vivo sobre a temática dos gamers e a primeira em linguagem de documentário, com o objetivo de ser referência de banda larga para este público.

A série mostra curiosidades, bastidores e a relevância deste universo tão lúdico quanto profissional, quem está por trás dessa indústria que gera empregos, oportunidades e diversão. Dividido em quatro episódios, conta com a participação de grandes nomes do mercado de games, como os jogadores profissionais Gabriel Kami e Murilo Takeshi; Youtubers como Pedro Rezende (Rezendeevil), Rafael Lange (Celbit), Mariana Satty, Damiani e BRKSEdu, além de dezenas de outros profissionais desse mercado.

A websérie criada pela agência Ginga e produzida pela Vice, teve as primeiras gravações no último ano, durante a Comic Con Experience, em São Paulo/SP e todos os episódios estão disponíveis  no canal da Vivo no YouTube e no site www.vivo.com.br/gamechangers .O projeto conta ainda com conteúdos extras, como um trailer da websérie e um vídeo único, no formato documentário completo, que reúne os quatro episódios.

Primeiro episódio – retrata o mundo das competições e dos players profissionais, abordando o que está em jogo quando um gamer decide encarar os desafios diários da vida de competidor profissional.

Segundo episódio – Youtubers especializados em games contam como começaram e falam sobre a percepção que têm do universo de games.

Terceiro capítulo –  mostra os bastidores da vida dos desenvolvedores, que dedicam suas vidas a pesquisar tendências e criar games.

Quarto capítulo – apresenta estudantes e professores que encaram horas e horas nas salas de aula, para formar novos profissionais para este mercado tão promissor. A campanha digital trará ainda exploração de conteúdo, clipes curtos, gifs, canvas, scratch reel e outros formatos interativos. O conteúdo será publicado no Facebook, Twitter e Google.

Facebook Comments

Deixe uma resposta