O que significa o 5.1 nas opções de áudio dos DVDs e BluRay?


Postado em por Geek Chic

Quando vamos assistir a um filme ou ouvir uma música, temos a opção de escolher o áudio estéreo 2.0 ou o áudio digital 5.1. Essa nomenclatura também aparece nos aparelhos de som ou home theater e ainda existem variações, como o 2.1 e o 7.1. Mas você sabe o que significam esses números?

O primeiro padrão de áudio é o monofônico, abreviado de mono, em que uma caixa acústica emite todas as frequências. O padrão estéreo é a evolução do mono porque permite a divisão do som em dois canais, de maneira que o que foi gravado e aparece na tela de um lado tem o áudio emitido pela caixa acústica do mesmo lado. Para exemplificar melhor, é como os fones de ouvido, onde os dois canais de áudio são distintos e podem emitir o mesmo som ou sons diferentes em cada um dos lados.

O sistema estéreo é chamado de 2.0, porque faz referência aos dois canais, podendo ser reproduzidos em dois falantes. Já o sistema 5.1 possibilita ainda mais a divisão do áudio, em cinco falantes. Em uma sala de home theater, seriam duas caixas acústicas frontais, dispostas uma de cada lado da tela, uma caixa central, responsável pela emissão de todas as vozes; e duas caixas surrond, localizadas na parte de trás da sala. O número um após o ponto do 5.1 se refere ao subwoofer, o equipamento responsável por emitir todos os sons graves, que também deve ficar posicionado próximo à tela. Então, ao invés de separar o áudio em dois como no estéreo, no 5.1 ele é dividido em seis: cinco canais para todas as frequências e um canal só para as frequências baixas.

Para melhor entendimento, vamos voltar ao momento da gravação. Em um filme, por exemplo, além de várias câmeras, são utilizados vários microfones, para que todos os sons sejam captados da melhor forma e, na hora da reprodução, eles sejam emitidos pela caixa acústica mais próxima da localização em que eles aparecem em cena. “Quando assistimos uma corrida, o som é dividido entre as caixas para termos a sensação de que os carros estão realmente passando pela sala. Já em uma cena de explosão, todo o áudio é emitido pelo subwoofer, assim além de ver acontecer, quem está assistindo recebe o som de impacto de frente”, exemplifica Marcelo Fogaça, proprietário da Livemax. O mesmo acontece na gravação das músicas: os microfones captam o áudio emitido por cada instrumento de acordo com a disposição da banda. Em um DVD musical, a voz do cantor principal é emitida pela caixa central, mas o backing vocal é emitido pela caixa do lado em que os cantores aparecem na tela.

Via

Facebook Comments
Siga-nos & Curta 🙂

Deixe uma resposta